Infestação de escorpião pode aumentar 70% em dois anos
28/09/2016
Lixo atrai animais perigosos e dissemina doenças graves
30/09/2016
Exibir tudo

Ratos. Algumas dicas para combater e evitá-los.

Quando eles entram em nossa casa, uma coisa é certa: ninguém fica satisfeito. Os ratos são um tipo de praga urbana que causam prejuízos em alimentos, objetos e, principalmente, na saúde de quem vive numa casa infestada. Isso porque, além de um animal que aparece em nossa casa em busca de alimentos e abrigo, os ratos são também vetores de várias doenças, entre elas a leptospirose.

E para que você possa entender melhor quais são as ações e cuidados mais indicados para combater e evitar os roedores, separamos algumas dicas que podem ser muito úteis em caso de ter a casa invadida por um (ou muitos) deles.

  • Contrate uma dedetizadora.

Todo mundo sabe que o melhor remédio para infestações é uma boa dedetização. Contrate uma empresa confiável que possa dar um jeito nos roedores para você.

  • Evite o acúmulo de lixo.

O entulho pode propiciar um lugar de habitação para os ratos, um foco de proliferação. Por isso, evite a todo custo acumular lixo.

  • Mantenha o lixo o mais distante possível.  

É certo que os ratos são atraídos pelo cheiro que vem do nosso lixo. Para diminuir a possibilidade deles entrarem dentro de casa, deixe a lixeira bem longe.

  • Aposte nos gatos.

Mesmo os felinos que não costumam se alimentar de pequenos roedores podem espantar os ratos apenas com o miado.

  • Use areia com urina de gato.

Um bom truque é colocar areia com urina de gato em alguns pontos do quintal e em volta da lixeira. O cheiro vai fazer com que os ratos fujam do local.

  • Vede passagens.

Os ratos geralmente entram em nossa casa no período noturno. E muitas vezes, uma pequena passagem é o suficiente. Por isso, vede todas as possíveis entradas.

  • Mantenha todos os ambientes de sua casa limpos.

Por fim, uma casa limpa e organizada dificulta a proliferação desses roedores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *